Total de visualizações de página

quarta-feira, 26 de agosto de 2009

A palavra, o Espírito e o Messias

Por Giliardi Rodrigues


As boas novas do Reino de D’us é manifesta através da torá a palavra revelada e de Yeshua a palavra encarnada. Toda a escritura e os profetas apontam para o Messias, ele é o filho do D'us de Israel, o governo das nações estão sobre os seus ombros, ele é o Sar Shalom, o autor da vida, o amado de nossas almas, escolhido e eleito melech (Rei) , ele é o caminho, a verdade e a vida, ninguém pode se achegar a D'us de outra forma a não ser pelo o Mashiach.

Yeshua é Filho de Davi e o leão da tribo de Judá, ele é o prometido que veio para pisar na cabeça da serpente e aniquilar todo o mal, o cordeiro de D'us que tira o pecado do mundo veio para recolonizar a terra e trazer o Reino de Adonay aos homens. Somente através dele podemos alcançar perdão dos nossos pecados e das nossas iniquidades e sermos novamente conhecidos como filhos do D'us vivo.

Para muitos a bíblia é uma utopia e um livro cheio de historias sem pé e sem cabeça, no entanto não existe outro livro no mundo que fale com clareza sobre a origem da vida e o motivo de toda a existência, não existe outro livro que revele a natureza e os atributos de quem é D'us. A bíblia não é um livro fruto da imaginação humana e não surgiu por meditação ou por inspiração poética, não é um livro filosófico e tão pouco apenas sabedoria, a torá é à base de toda a bíblia, pois foi escrita com o próprio dedo de D'us, ela foi entregue aos homens através de um povo escolhido por meio de revelação.

Desde o dia que a palavra foi revelada ao povo hebreu em shavuot (pentecostes) no Sinai o mundo nunca mais foi o mesmo, os homens puderam conhecer a leis de D'us, a misericórdia, a justiça e o amor do Eterno. Dentro do pensamento bíblico a relação entre o homem e D'us é a torá, ela é o manual de vida, de conduta moral e espiritual, ela aborda a vida em todos os sentidos e aspectos, desde a forma de se vestir, trabalhar, de cuidar da natureza, de criar os filhos, de relacionar com as pessoas até a forma correta de ouvir e falar com D'us.

Ao contrario do que muitas pessoas pensam D'us esta sempre acessível ao homem, ele está a todo tempo em busca do homem, D'us nunca abandou a criação, pelo o contrario, ele é onipresente e imanente, ou seja, esta a todo tempo presente em todas as coisas e em todos os lugares. Apesar de toda a criação manifestar a gloria de D'us e o seu Espírito esta em todos os lugares e em todas as coisas, devemos ter o cuidado de não venerar e adorar as coisas, pois D'us também é transcendente, ou seja, ele esta acima de tudo e de todas as coisas, quando o homem reduz a presença de D'us a algum aspecto da criação isso é idolatria. Somente a D'us deve adorar e somente a ele prestar culto, pois tudo foi criado por ele e para ele, a razão da existência é reconhecer que D'us é tudo e sobre tudo, por esse motivo somente a ele devemos adorar, servir e prestar culto.

Os grandes sábios judeus dizem que o mundo é sustentado por três coisas: “Pelo o Espírito Santo (Ruach Elohim), pela a sua palavra da torá e pelo o Messias Yeshua”. Se não fosse assim não seria possível a vida na terra e nem a existência dos anjos e nem do universo. Tudo foi criado por D'us através do seu Espírito e de sua própria palavra para o governo do Messias.

Quando oramos a D'us estamos conectando a realidade do material com o espiritual, quando praticamos atitudes de amor e justiça com o próximo estamos ao mesmo tempo trazendo o reino de D'us para perto de nós. Quando lemos, entendemos e praticamos a torá estamos na verdade sendo sal da terra e luz do mundo. Quando confessamos os nossos pecados e a nossa incapacidade de sermos perfeitos, estamos ao mesmo instante confessando que precisamos do amor e da misericórdia de D'us. quando lutamos contra o mal estamos declarando que Messias é rei e ele não nos abandonará, ele sempre estará na linha de frente lutando por nós. Quando precisamos de algo, o Espírito Santo intercede por nós junto ao Pai.

Nem olhos viram, nem ouvidos ouviram e não penetrou no coração do homem aquilo que o Pai tem preparado para nós. Aguardamos com fé e com amor a vinda do Messias, ele trará consigo vida eterna virá com um cavalo branco e com uma espada na mão para aniquilar o reino do mal. Que o Espírito de Elohim possa nos consolar e nos guiar nos caminhos da torá, que a santa, perfeita e agradável vontade de D'us esteja sempre em nossas vidas, que possamos guardar a lei do Senhor em nossos corações para não mais pecar contra D'us.

Que o Messias volte logo para restaurar Israel e reinar sobre as nações, que ele possa reunir judeus e gentios no monte Sião num grande banquete e solenidade. Que possamos com ele ser um povo que adora um único e verdadeiro D'us.

quarta-feira, 19 de agosto de 2009

Pela a graça, pela a lei.

Por Giliardi Rodrigues


Pela a graça o homem tem seus pecados perdoados por D'us

Pela a lei o homem aprende o caminho da obediência

Pela a graça somos redimidos e restaurados

Pela a lei somos aperfeiçoados com qualidade de vida

Pela a graça conhecemos o amor de D'us

Pela lei conhecemos a justiça de D'us

Pela a graça recebemos algo que não merecemos

Pela a lei declaramos o nosso amor através da obediência

Pela a graça somos chamados filhos de D'us

Pela a lei somos confirmados como herdeiros

Pela a graça conhecemos a face do Eterno

Pela a lei conhecemos o seu caráter e seus atributos

Pela graça Abraão foi chamado por D'us

Pela lei ele andou nos caminhos do Senhor

Pela a graça Noé foi encontrado por D'us

Pela a lei ele foi chamado justo

Pela a graça Davi foi eleito e alcançou misericórdia

Pela a lei ele foi um homem segundo o coração de D'us

Pela a graça Salomão recebeu sabedoria

Pela a lei ele foi digno de ser Rei e erguer o templo de D'us

Pela a graça Moisés viu D'us face a face

Pela a lei ele conduziu Israel pelo o deserto

Pela a graça os profetas receberam o Espírito Santo

Pela a lei profetizaram sobre o Mashiach

Pela a graça a virgem o filho de D'us gerou

Pela a lei ele nos ensinou o caminho, a verdade e a vida

Pela a graça o Messias voltará a Jerusalém

Pela a lei ele governará e ensinará a torá a todas as nações

Pela a graça sabemos que precisamos guardar a lei no nosso coração

Pela a lei a graça traz plenitude e vida eterna

Pela a graça somos justificados

Pela a lei somos santificados

A graça é salvação

A lei é o caminho da perfeição

A graça sem a lei não tem graça

A lei sem a graça não tem valor

O Espírito da graça é o mesmo Espírito da lei

D'us é amor e também é justiça

O Messias revela a graça e ensina a lei aos homens

A graça é uma dádiva divina

A lei é santa, justa e boa.

terça-feira, 11 de agosto de 2009

A igreja do século XXI

Por Giliardi Rodrigues

É muito triste e lamentável a situação da igreja no século XXI, há muito tempo ela perdeu a sua identidade e agora não sabe que rumo seguir. Desde que sua sede saiu de Jerusalém há um pouco mais de 2.000 anos e foi para Roma centenas de doutrinas pagãs contaminaram a “Noiva do Messias”, sem contar a política mundana e satânica que adentrou os seus átrios fazendo com que a sua saúde esteja a cada dia pior.

A igreja só se mantém de pé até os dias de hoje, porque Jesus (Yeshua) é a pedra pela a qual ela foi estabelecida e as portas do inferno jamais poderão prevalecer contra a sua igreja. No entanto a sua noiva anda mais perdida neste mundo do que cego em tiroteio. O cristianismo cresceu assustadoramente pelos os séculos, a Igreja Católica Romana foi à grande precursora e depois com a reforma apareceram diversas correntes protestantes.

Infelizmente o cristianismo se expandiu se dividindo. Centenas de seitas surgiram somente nos últimos séculos, no Brasil existem mais de 20.000 (vinte mil) denominações diferentes, cada uma com sua doutrina própria e seu ritual de fé particular, igrejas se tornaram empresas com CNPJ e instituições com fins lucrativos, sem contar o marketing que promove seus lideres na mídia como verdadeiros show-mens.

Dia após dias são escândalos e mais escândalos por parte daqueles que deveriam ser exemplo de caráter. Igrejas enquanto instituições estão cada vez mais desligadas de D'us e mais ligadas ao mundo. O apego pelo o dinheiro e pelo o poder esfriou o amor de muitos. D'us virou um ídolo, um capacho, o gênio da lâmpada do Aladim. Milhares de pessoas vão a igrejas procurando soluções financeiras, curas, milagres, emprego, namoro, casamentos. O que importa para as pessoas é o que D'us faz e não o que ele é. .

A finalidade da existência da igreja é ser agente de D'us e propagadora do Reino de D'us na terra, em vez disso tem sido motivo de escândalos e chacota.

A mensagem do verdadeiro e genuíno evangelho que diz que precisamos nos arrepender e seguir os mandamentos de D'us para a salvação foi perdida, agora segundo a igreja precisamos dar dízimos, ofertas e fazermos sacrifícios de dinheiro para alcançarmos bênçãos de D'us. O corpo de Cristo não vive em unidade, tão pouco sabe o que é amor. O que vemos hoje é uma guerra entre denominações, uma disputa por membros com a finalidade de arrecadar dinheiro através de dízimos e ofertas.

Não aguento ligar a televisão e ver esses pastorzinhos falarem bobagens e coisas que não condiz com a bíblia, não suporto mais essa falsa religião chamada “cristianismo” pastores adulterando, roubando, escondendo dinheiro na cueca, mentindo em rede nacional, se elegendo a política usando o veiculo da religião, comprando emissoras de televisão para passar pornografia, novelas podres, filmes satânicos e um jornalismo tendencioso.

Continua...

estou escrevendo a segunda parte...